19.4.11

Hum...

Eu tenho um vício.
Eu sei que um vício é ruim não importa qual seja, e sei que minha mente vai tentar sempre apontar que não é tão ruim quanto parece assim que eu usufruir do vício.
Porém, saber que minha mente trabalhará desta maneira, implica que qualquer sensação de que não é tão errado meu vício, eu implicarei comigo mesmo que é minha mente pregando peças.
Seria incorreto então pré-determinar que meu vício não é de todo mal, só meu subconsciente que deseja taxa-lo (o vício) desta maneira por carregar este nome, quando na verdade não passa de um hobbie qualquer?
Seria este pensamento uma peça pregada?

2 comentários:

  1. ...me colocou na p*rra de um loop infinito xP

    ResponderExcluir
  2. no meu ver... a partir do momento que seu subconsciente tem que taxar um vício de ruim qualquer que seja, ele não é tão ruim, pois senão não seria necessário que seu subconsciente taxasse-o de tal maneira...
    Porém, se o seu consciente sabe que o vício é ruim e voce tenta convencer-se que o vício não é tão ruim para que vc continue usufruindo, se fodeu, porque ninguem sabe como o subconsciente pensa.


    Ou algo assim...

    ResponderExcluir